Adolescente de 14 anos mata a mãe com um tiro na cabeça em Ribeirópolis

conteudo_2_45654_20150110103406_54b12a4ef0276Um crime bárbaro chocou moradores do povoado Barro Preto, em Ribeirópolis, na tarde dessa sexta-feira (09). Uma adolescente de 14 anos assassinou a mãe com um tiro na cabeça enquanto ela dormia em uma rede na varanda da casa da família.

Em um primeiro momento a polícia chegou a pensar que a morte de Márcia Brito de Santana, 33 anos, fosse um suicídio, mas uma análise na cena do crime deixou claro que Márcia havia sido assassinada. “Quando os policiais chegaram ao local a menina afirmou que a mãe havia cometido suicídio, mas o comportamento dela e a cena do crime deixaram suspeitas”, declarou o delegado Cledson Ferreira, que ressaltou. “Pelo trajeto da bala percebemos que o projétil atingiu primeiro a rede, o que não possibilitaria um suicídio, como no momento do crime só estava a adolescente e dois irmãos menores em casa nós levamos a jovem à delegacia para prestar depoimento e no meio do caminho ela confessou ao tio que havia matado a mãe”.

IMG-20150110-WA0005De acordo com o delegado Cledson, a menina contou como tudo aconteceu e não mostrou arrependimento. “Ela contou que estava brincando com o irmão de 7 anos no quarto e quando percebeu que a mãe estava dormindo na rede com o irmão menor no colo, um bebê de menos de 1 ano, desceu a criança para que ficasse longe da cabeça da mãe e foi no quarto pegar a arma do padrasto. Em seguida ela disse que foi por trás da rede e atirou em direção a cabeça da mãe”, revelou o delegado.

Depois de cometer o crime, a adolescente de 14 anos limpou a arma e guardou. “Quando a polícia chegou a menina entregou o revólver e disse que já tinha limpado, fato que também estranhamos”, contou Cledson Ferreira.

A jovem revelou à polícia que matou a mãe, pois sofria maus tratos, alegação que foi negada pelos familiares. “Ela disse que as duas brigavam muito e que a mãe não permitia que ela saísse de casa, por isso, resolveu cometer o crime”, declarou o delegado.

A adolescente foi apreendida e encaminha a Delegacia Regional de Itabaiana, onde foi lavrado um auto de apreensão. Na tarde desse sábado (10) a adolescente será encaminhada ao Ministério Público, em Aracaju.

Por a8se.com