Casal é sequestrado, amarrado, amordaçado e morto com tiro de 12 na Bahia

Um casal de jovens foi raptado e morto por volta das 22h30, deste sábado, 07 de fevereiro, numa estrada vicinal que dá acesso ao aterro sanitário em Teixeira de Freitas, estado da Bahia.

5sdf45as4fas6f

 

A polícia militar foi informada através do 190 que um casal havia sido sequestrado por dois homens em um carro de cor branca na Praça do bairro Ulisses Guimarães em Teixeira de Freitas. Uma guarnição da Policia Militar que fazia rondas na região foi avisada através do Copom e se dirigiram na captura do Veículo um Fiat Pálio.

5asd45as4d5asdNo local do rapto os policiais encontraram um chinelo, uma bolsa e a bicicleta que o casal estava. Logo em seguida a polícia foi avisada que um casal havia sido assassinado próximo ao lixão, a viatura seguiu para o local, ao chegar no residencial Ramalho se deparou com um Pálio de cor branca com as mesma s características do veículo do sequestro.

Os policiais fizeram a abordagem do veículo e encontraram os irmãos Genisson e José Machado Pereira, usando uniformes da empresa BMF dentro do veículo. A princípio eles negaram o crime, mais ao revistar o carro a policia encontrou a arma usada no crime, uma espingarda calibre 12, e um chinelo de mulher que ao ser comparado com outro chinelo encontrado no local do crime, conformou a culpa dos irmãos.

54d5ras4d54asdSem outra saída, José, morador do bairro Nova Teixeira, confessou que matou Micleides Silva Souza, 16 anos, moradora da Rua Sargento Pedro no bairro São Lourenço e Jeferson Rodrigues Neves, 19 anos, também morador do São Lourenço, porque desconfiou que o casal estava incentivando sua mulher com que vive a mais de cinco anos, a traí-lo. Os jovens estavam com as mãos amarradas para trás e Micleides estava amordaçada.

Os corpos dos jovens estavam caídos um ao lado do outro em um barranco com se estivem de joelhos quando foram mortos. Jeferson foi morto com dois tiros de 12 na parte de trás da cabeça, Micleide levou um tiro de raspão no ombro esquerdo e outro tiro na cabeça, também disparado por trás. A arma apreendida estava com um cartucho, que segundo uma policial que participou da operação, seria usada para matar a esposa de Genisson. O carro usado foi alugado pelos irmão há quatro dias atrás para cometer o crime.

s45da4s5da4sdO delegado Kleber Gonçalves esteve no local com uma equipe de investigadores e os peritos Paulo Libório e Pedro Paulo para os trabalhos de levantamento cadavérico e perícia de local. O corpo foi removido para o IML onde serão necropsiados

Policias da 1ª Cia e da CETO participara da Operação Concórdia que culminou com a prisão dos assassinos em flagrante. Os irmãos estão custodiados na carceragem da 8ª Coorpim a disposição da justiça.

Por Neuza Brizola / Bahiaextremosul