Eleições 2014: PM prende donos de bares por desobediência à Lei Seca em Poço Verde

Clique-aqui-para-ler-a-Portaria-344x460A Polícia Militar do Estado de Sergipe, através da 4ª Companhia do 7º Batalhão de Polícia Militar (4ª Cia/ 7º BPM), prendeu dois donos de bares na noite do sábado, 25, no município de Poço Verde, distante 145 quilômetros da capital.

Por volta das 22h, o juiz eleitoral da 33ª Zona Eleitoral, Antônio Carlos de Souza Martins, solicitou que a PM averiguasse uma denúncia nas imediações da Igreja Católica da cidade. No local, a polícia flagrou Manoel Florival da Rocha, dono de um bar, vendendo bebida alcoólica, incorrendo em crime eleitoral e sendo levado à delegacia da cidade.

Ainda atendendo à determinação do juiz eleitoral, militares da 4ª Cia/ 7º BPM foram até um bar situado na Travessa Tibúrcia Maria dos Santos, também em Poço Verde, flagrando Jailma Santana dos Santos, proprietária de um bar, comercializando bebidas alcoólicas. Diante do ocorrido, o caso foi levado à presença do juiz.

A proibição quanto à comercialização de bebida alcoólica no referido município esteve proibida durante o pleito eleitoral  por força da Portaria nº 05/2014, publicada pelo Juízo da 33ª Zona Eleitoral.

Perturbação do sossego

Policiais da 4ª Cia/7º BPM prenderam no sábado, 25, Anselmo Santana de Carvalho, 26 anos, acusado de perturbação de sossego no Centro da cidade de Poço Verde.

A ação aconteceu por volta das 21h30, quando uma guarnição comandada pelo soldado Alexsandro Lima da Fonseca realizava policiamento preventivo na localidade quando observou um cidadão pilotando uma motocicleta Honda CG 150 Titan, ano 2008, cor preta e placa IAF 5723.

O cidadão estava fazendo bastante barulho por onde passava com seu veículo. Ao ser abordado, informou que não tinha habilitação para conduzir a motocicleta. O caso foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Poço Verde.

PM/SE