Mais de 1400 carros são roubados em Sergipe, diz polícia

Registros foram feitos até janeiro a julho deste ano.
Polícia garante que operação será realizada para reforçar a segurança.

Carros apreendidos deixam depósitos de delegacia de Aracaju lotados (Foto: Marina Fontenele/G1)
Carros apreendidos deixam depósitos de delegacia de Aracaju lotados (Foto: Marina Fontenele/G1)

De janeiro a julho deste ano, mais de 1400 carros já foram roubados ou furtados em Sergipe, de acordo com dados da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP). Foram registrados uma média de 200 roubos e furtos mensais.

Em 2012, os números ficaram em 1944 veículos roubados e furtados. Neste período, o mestre de obras, José Solon Santos Leal, foi incluído nessa estatística. Ele contou que estacionou o seu carro, de modelo Corsa, por volta das 10h, do domingo, 14 de outubro, em uma das principais avenidas do Conjunto João Alves Filho, no Bairro Taiçoca, em Nossa Senhora do Socorro, e após 15 minutos percebeu que foi furtado.

“Foi muito rápido. Além de perder o veículo, avaliado em R$10 mil, eles levaram R$450 que seria usado para pagar uma fatura de uma conta, documentos e mais duas ferramentas que uso no trabalho, juntas elas custam R$ 900”, contabiliza José Solon.

Ele registrou o Boletim de Ocorrência uma hora após do fato na Delegacia Plantonista, emAracaju. “Infelizmente este tipo de ocorrência virou um fato comum. Sempre acontece e nada é feito, nem mesmo uma ronda policial no local”, reclama.

delegado
Delegado Fernando Melo dá dicas de segurança
(Foto: Marina Fontenele / G1)

O diretor da Divisão de Combate a Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), o delegado Fernando Melo garantiu que ainda esse ano será realizada uma ação para apreender veículos roubados no estado. A operação será desempenhada em parceria com a Polícia Militar.

“A Polícia já prendemos mais de 10 quadrilhas de roubos e desmanches neste ano, duas delas são alagoanas”, destaca Fernando Melo. Ele também alerta que os donos de veículos devem procurar estacionamentos com segurança e a utilização do transporte público como medidas básicas de prevenção.