PRESO HOMEM ACUSADO DE MATAR E SE DESFAZER DE CORPO DE MULHER EM SACO DE LIXO

presoPoliciais civis do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Cisp) de Laranjeiras prenderam um homem acusado de matar uma mulher a facadas para não pagar valores de um empréstimo e da compra de uma casa. Segundo o delegado Marcelo Pais, o suspeito José Santana de Oliveira, 47 anos, matou com um golpe de faca no pescoço a senhora Josefina Benedita Santos, 62 anos, no dia 22 de novembro de 2013.

O crime começou a ser investigado ainda do dia 22 de novembro quando um catador de lixo encontrou um corpo nas imediações da lixeira da pedreira do conjunto Manoel do Prado Franco, em Laranjeiras. A vítima estava envolta de um saco de nylon no interior de uma caixa utilizada para transportes de aves.

O corpo foi recolhido e levado ao Instituto Médico Legal (IML), onde o laudo pericial cadavérico constatou que a senhora Josefina Benedita sofreu choque hipovolêmico e anemia aguda causados por um esgorjamento (lesão no pescoço) através de arma branca.

De acordo com o delegado Marcelo Pais, no decorrer das investigações apurou-se que após a morte da vítima foram feitos vários saques e compras com o cartão bancário dela. Um dos saques foi feito na lotérica de Laranjeiras no valor de R$ 1,500,00, em seguida foi feito a compra de um celular no valor de R$ 500,00 no município de Nossa Senhora do Socorro e neste mesmo município a polícia registrou outra compra no valor de R$ 300,00 em supermercado da cidade.

“Após ouvir várias pessoas, captar informações bancárias e verificarmos as imagens dos circuitos interno de segurança os cartões foram utilizados, concluímos que a a motivação para o crime seria financeira. Verificamos que a vítima possuía uma casa que teria sido vendida cerca de um mês antes para José Santana por R$ 20 mil, bem como que o acusado devia certa soma em dinheiro a senhora, fruto de um empréstimo anterior” destaca.

SONY DSCAs investigações mostraram com clareza de detalhes que José Santana mandava amigos, moto-taxistas para fazer o saques e realizar as compras com o cartão bancário da vítima. A Polícia Civil também investiga a suspeita de que vítima e autor mantinham um relacionamento amoroso. José Santana foi preso em sua residência no município de Laranjeiras e acabou indiciado pelo crime de latrocínio (matar para roubar).

O delegado destacou que após o crime, os vizinhos e os clientes do abatedouro de frangos do acusado ão o viram mais na cidade. “Quando surgiu os comentários de que foi ele o responsável pelo crime, o seu advogado procurou a delegacia e deixou o seu cliente à disposição da Justiça”, explicou.