RESGATE DE PEDRO DA MUNIZ CUSTOU R$ 40 MIL E ATÉ O MOMENTO 6 SEQUESTRADORES ESTÃO PRESOS

Desde quando retornou para Simão Dias, na tarde de ontem (15), que o empresário do ramo de transportes, Pedro Menezes de Siqueira, 57 anos, não para de ser abraçado pelo povo de sua terra natal além de ser cumprimentado por pessoas da região. Em meio a tantos contatos, o Sr. Pedro destinou um tempo para participar do programa Tropical Notícias, conceder entrevista e relatar tudo o que passou nesses dias de cativeiro.

O seqüestrou aconteceu por volta das 3:30h da madrugada do último dia 10, na Sete Portas, famoso mercado da capital baiana, Salvador. Foi retirado do ônibus por alguns elementos, colocado num carro e depois com olhos vedados, levado para local desconhecido. Durante os dias em que ficou no cativeiro, Pedro de Jonas ficou a maior parte do tempo com mãos e pés amarrados como animal. Mesmo passando por momentos nada agradáveis  a fé mantinha acesa a chama da certeza que Deus iria tirá-lo dessa situação. Deitado num colchão posto rente ao chão, não tinha noção de data e muito menos se era dia ou noite. Mesmo diante das dificuldades, prosseguia insistentemente na fé e nas orações.

Segundo informações relatadas por ele durante entrevista ao radialista Edelson Freitas, o pagamento do resgate foi efetuado em duas partes. A primeira no sábado com R$ 40 mil e o restante (R$ 60 mil) seria na segunda – feira, dia 14. Após o pagamento da primeira parcela, os sequestadores teriam percebido que a polícia estava investigando e que começaram a temer que o cativeiro fosse estourado. Mediante isso, antes do pagamento da segunda parcela, eles resolveram libertar o refém nas proximidades de uma rodovia localizada em Simões Filho (BA). A partir de então, Pedro pegou um ônibus e veio até o mercado da 7 Portas onde reencontrou amigos e logo fez contanto com familiares em Sergipe anunciando a boa notícia da sua liberdade.

Ainda de acordo com Pedro, durante a entrevista, dos seqüestradores, pelo menos seis já estão presos e os demais estão sendo procurados pela polícia.

Como não poderia ser diferente, Seu Pedro agradeceu várias vezes a todos pela recepção surpresa e pelas orações e força dadas a sua família nesse momento tenso. Durante sua participação no programa, foram inúmeras mensagens enviadas pelos ouvintes e internautas enfatizando a felicidade e alegria pelo fato que tudo tenha acabado bem. Em uma das ligações, no ar, a cidadã de pré-nome Ana, emocionada e chorando quase não conseguia expressar tamanha felicidade pelo retorno do amigo Pedro.

Informações: Portal Edelson Freitas/Foto: Fanpage da Tropical FM