SIMÃODIENSE A MERCÊ DA BANDIDAGEM E INSEGURANÇA

Nas últimas 48 horas, o município de Simão Dias vivenciou um caos no quesito segurança pública quando duas motos foram tomadas de assalto, uma joalheria foi roubada gerando prejuízo de aproximadamente R$ 40 mil além de um jovem trabalhador que foi assassinado numa tentativa de assalto. Por volta das 22 horas da última segunda, 20, uma moto Shineray foi roubada em frente ao Supletivo e a vítima ainda foi derrubada pelos marginais. Na manhã de hoje, 22, por volta das 6:30h, um funcionário da Dakota foi abordado por elemento portando arma de fogo, ao lado do antigo Hospital Bom Jesus e também em plana via pública tomou de assalto sua Shineray. As 9 horas da manhã, uma joalheira localizada no calçadão da Juviniano de Carvalho foi alvo da marginalidade quando um elemento armado entrou no estabelecimento comercial e armado roubou vários objetos e jóias deixando um prejuízo de mais de R4 40 mil. De acordo com informações, a ação foi registrada pelas câmeras e o assaltante chegou de moto em pleno calçadão.

Ontem (21), eram 17:30h quando um assalto também aconteceu no povoado Barnabé. Baseado em informações, a marginalidade conseguiu levar mais de R$ 1 mil da vítima nas proximidades da escola da referida comunidade.

O caso mais grave aconteceu durante a noite do feriado (21), quando elementos tentaram roubar uma moto em estrada próxima ao povoado Aroeira. Ao tentar escapar dos elementos um dos homens que estavam na moto foi alvejado e ficou ferido. Rubisvaldo, 27 anos, conhecido por “Rubinho” foi levado para a UPA e depois transferido para Aracaju onde lamentavelmente veio a morrer.

Informações: Portal Edelson Freitas