Suspeitos de latrocínio em São Cristóvão, SE, são presos

Eles foram apresentados pela polícia nesta terça-feira (10).

Dupla cometeram crime no dia 1º de janeiro, diz polícia

Suspeitos de latrocínio em São Cristóvão são
presos (Foto: SSP/SE)

Os suspeitos de um latrocínio em São Cristóvão, no primeiro dia deste ano, foram apresentados pela polícia na manhã desta terça-feira (10). Eles foram presos por policiais civis da 12ª Delegacia Metropolitana, sob a coordenação do delegado João Eduardo, no sábado (7).

As prisões ocorrem nos povoados Caípe Velho e Candeal em cumprimento a mandado de prisão preventivo.

“Realizamos diligências para localizar os suspeitos e efetuamos as prisões. Um foi encontrado em via pública e o outro na sua residência”, destacou João Eduardo.

Ainda segundo o delegado, as prisões decorreram de investigações acerca de um roubo seguido de morte (latrocínio) registrado às 18h do dia 1º de janeiro deste ano.

“Na ocasião, a vítima que era proprietária de um bar na região, saiu do seu estabelecimento comercial quando, numa estrada de chão próximo ao Rio Caípe, foi alvejado por um golpe de madeira por eles. Um adolescente que também participou do crime foi apreendido”, explicou o delegado.

saiba mais

Eles pegaram cerca de R$ 600 da vítima e um dos jovens deu R$ 10 para o adolescente que cobriu o corpo do comerciante com vegetação.

Segundo a polícia, desde o início das investigações os três suspeitos foram apontados como autores do crime pelo fato de terem permanecido até mais tarde no estabelecimento da vítima e serem vistos com uma grande quantia em dinheiro.

“Inicialmente eles negaram a prática do crime, mas o adolescente ao ser ouvido e ter conhecimento que a quantia levada teria sido maior que os R$ 30 inicialmente informado, resolveu confessar a participação do trio, indicando onde teria escondido o aparelho celular”, finalizou o delegado.

fonte G1