VEREADORES DE PARIPIRANGA (BA) PRESSIONAM REPROVAÇÃO MAS TRIBUNAL DOS MUNICÍPIOS APROVA CONTAS COM RESSALVAS

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) aprovou, com ressalvas, nesta terça-feira (11), as finanças de 2012 da prefeitura de Paripiranga e imputou ao gestor George Nascimento multa de R$ 1,5 mil. A decisão dos conselheiros é uma avaliação ao pedido de reconsideração da reprovação das prestações do final de 2013. O relator do parecer, Raimundo Moreira, revogou a decisão inicial de rejeição para emitir a defesa pela aprovação com ressalvas. Os vereadores de oposição foram à sessão do TCM para pressionar a reprovação das contas do gestor. Em ofício encaminhado ao Tribunal, os oposicionistas afirmaram que, no exercício de 2013, é possível identificar “o fracionamento de compras e falta de divulgação ampla em órgãos de imprensa”. O documento indica que “empresas de fachada”, criadas em nomes de “laranjas”, são vencedora de licitações volumosas da prefeitura.